Falta de respeito ao povo tucanense. A festa junina se aproxima, trazendo ao povo tucanense muita decepção.  Além das atrações que tomam lugar e roubam a cultura junina pura e típica da nossa terra, há uma posse ilegal do local da "festa" de abertura do dia 23. Em um local público, com cercados pagos com dinheiro público, camarote pago com dinheiro público, dois palcos pagos com dinheiro público, cobra-se entre 80 e 160 reais de acesso. As dimensões da cultura são ignoradas, o respeito a dimensão cidadã, simbólicas foram boicotados. Só pensaram na dimensão econômica no sentido de lucrar, tendo como base o dinheiro público. O que fazer numa cidade onde poucas pessoas tem reflexão crítica? Tudo é visto como coisa normal. Enquanto isso, a filarmônica é destruída, o pífano é esquecido, o samba de roda morto, os sanfoneiros abatidos, os cantores filhos da terra expulsos dessa festa cara, e os que estão em cartaz foram reduzidos a minúsculas letras escritas abaixo das "grandes atrações". Neste mesmo dia, acontecerá a mesma festa, com as mesmas atrações, de graça, em Serrinha e Euclides da Cunha! Embora seja distante, vale a pena o boicote! Afinal, nem o gestor, tampouco o "produtor cultural " da cidade se importou com o respeito que deveria ter aos munícipes. Todos os envolvidos são de fora, não possuem raízes na cidade, eles não são de Tucano e querem roubar a cena do nosso tão almejado São João, que deveria todo ano ser democrático, por quê? Porque o DINHEIRO é PUBLICO!


 Por: Sonia Miranda Bastos
Continue Lendo
A adolescente Larissa Pereira de Santana, de 16 anos, foi morta a tiros no início da tarde desta terça-feira (20) dentro da casa em que  morava, no distrito de Caldas do Jorro, município de Tucano. De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu por volta das 12h10min, na Rua Eupídio Pimentel, no bairro dos Coronéis.


Conforme a PM, a vítima estava dentro de casa quando recebeu um chamado em frente a residência e, ao abrir o portão da residência,  foi atingida por vários disparos de arma de fogo, efetuados por dois suspeitos. A adolescente morreu na hora.

O corpo da menor foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade  de Euclides da Cunha, onde será periciado.
Policiais militares da 2ª Companhia do Quinto Batalhão foram acionados e fizeram buscas pelos criminosos, mas ninguém havia sido preso até a publicação desta reportagem. Autoria e motivação do crime serão investigadas pela Polícia Civil.

Continue Lendo
A decisão do prefeito do município de Tucano, Luiz Sérgio (PSD), de plantar nos jardins do município plantas espinhosas como mandacaru, macambira, xique-xique e babosa não tem causado apenas estranheza e insatisfação nos moradores, mas também aguçado a criatividade de muitos e despertado a crítica de figuras de nome no município.

Nesta quinta-feira, 01 de junho, por exemplo, o ex-prefeito da cidade, Igor Moreira Nunes, postou em sua página no Facebook uma foto na frente de um posto de saúde do município de Teofilândia, onde ele atua como médico, falando sobre o jardim do local, que contém flores, gramas e foi construído junto com a comunidade. 

Embora não cite diretamente na postagem o caso de Tucano, para bom entendedor meia palavra basta, ou, nesse caso, algumas palavras, para entender que se trata de uma indireta, ou melhor dizendo, de uma alfinetada na postura do prefeito. “Este é o jardim do posto de saúde do Povoado Setor em Teofilândia. Ele foi feito em parceria com a comunidade, de maneira conjunta, ouvindo sugestões. Aqui não existem espinhos, mas sim grama, palmeiras, flores e alguns materiais recicláveis. Neste espaço as pessoas são respeitadas e atendidas com muita humildade e dignidade”, diz a postagem.

Na terça-feira, 30 de maio, a professora Vera Serra, tucanense respeitadíssima, soltou o verbo sobre o assunto em entrevista na rádio Tucano FM. Embora não condene o uso das famigeradas plantas, a professora defende uma integração com outras espécies menos espinhentas, por assim dizer. No entanto, ela classificou o fato como desrespeitoso ao povo de Tucano. “Respeito é bom e o povo de Tucano gosta. O senhor tem que vir à rádio se retratar com o povo, pedir desculpas pela grosseria que foi dita. Essas palavras não são palavras de um homem que ocupa a cadeira mais alta do município, do executivo municipal”, criticou a professora se referindo ao fato de o prefeito ter mandado ir embora pro Rio Grande do Sul quem não gostou do jardim dele.

Nas redes sociais dos tucanenses, fotos de mandacaru têm aparecido por toda parte em tom de piada à atitude do prefeito. Se continuar assim, já já o município, que é conhecido pelas águas quentes de Caldas do Jorro, vai passar a ser conhecido como a cidade dos espinhos. Abra o olho!

Fonte: WhatsApp
Continue Lendo
Um Tucanense, foi morto a tiros dentro de uma quadra de esportes no bairro Coruja, em Serrinha, na noite desta quinta-feira (25). A vítima foi identificada como Roberto Santos da Silva, 36 anos, e era conhecido como “Boyzinho”. Não há informações se a vítima tinha envolvimento com crimes.

Segundo a polícia, o crime ocorreu por volta das 20h20min. A polícia informou que a vítima estava na arquibancada da quadra de esportes quando dois homens não identificados atiraram contra ele. Após os disparos, os criminosos fugiram sem deixar pistas.

Roberto foi atingido no tórax e na cabeça, morrendo no local. A polícia não soube informar se ocorria jogo no momento do crime. Policiais do 16º Batalhão de Polícia Militar (BPM/Serrinha) foram acionados e isolaram a área onde aconteceu o crime.
O corpo do rapaz,  foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Serrinha, onde foi periciado . Roberto era natural de Tucano, mas morava na cidade onde foi morto.
Fonte: Clériston Silva
Continue Lendo
A Prefeitura de Tucano divulgou esta semana a programação e as atrações do famoso e tradicional São João das Águas Quentes, realizado na turística Caldas do Jorro, um dos principais destinos mais procurados da Bahia na época junina.

Acostumados com três dias de festa e a presença de grandes forrozeiros como Targino Gondim, Falamansa, Jurandy da Feira, Trio Nordestino, Cangaia de Jegue e Adelmario Coelho, dentre outros, moradores e turistas lançaram diversas críticas nas redes sociais em relação à escolha do atual gestor. “Um fiasco que será nosso São João das Águas Quentes, que além de diminuir de 3 para 2 dias, as atrações não condizem com o padrão que vinha sendo realizado nossos festejos”, postou um internauta.

Ele também denuncia o estado de abandono que se encontra Caldas do Jorro, local turístico que recebe diversos turistas por dia e onde é realizada a festa de São João. “Além dos lixos e entulhos que não são recolhidos nas ruas e avenidas, a coleta é feita de maneira totalmente desorganizada e desordenada, além de redes de esgoto correndo a céu aberto em pleno centro, isso sem falar dos buracos que nunca consertam”, listou o morador.

Sem investimentos e a devida atenção que era dada nos anos anteriores, Tucano deve perder visitantes para a cidade vizinha Euclides da Cunha, que divulgou uma programação com grandes atrações e quatro dias de festa. “Ninguém vai deixar de ir pra festa boa em Euclides da Cunha pra ver uns cantores famosos. Isso foi uma piada”, lamentou Eduarda.

O enfraquecimento do São João das Águas Quentes também está afetando a economia. No mesmo período do ano passado, a maior parte dos hotéis já estava com a capacidade lotada. Agora, a menos de um mês do início das festas, poucos são os hotéis que estão com mais de 70% dos apartamentos reservados.

A programação do São João de Caldas do Jorro será de apenas dois dias e terá as bandas Puro Desejo, Sandro de Castro, William e banda, Israel Novaes, Flávio José, Chico de Oliveira, Danniel Vieira e a banda Engravatados do Forró. 

*Radar Regional*
Continue Lendo
A loja do GBarbosa em Tucano foi assaltada no início da tarde desta sexta-feira (26) em Tucano. Segundo a PM, o assalto ocorreu por volta de 13h30min. 

A PM local, em busca de apoio e trabalhando em conjunto com outras unidades, fez contato com policiais de Araci, que capturaram os assaltantes às 15h em Serrinha. 

Segundo a Assessoria de Comunicação do 16° BPM, a CETO efetuou a prisão de 03 indivíduos. Eles estavam retornando no sentido Tucano – Feira de Santana, quando o veiculo foi interceptado nas proximidades da Itaipava, em Serrinha. Segundo informação de um dos envolvidos, eles residem em Salvador.

Fonte: Avozdocampo.com


Continue Lendo
O réptil foi encontrado na manhã desta quarta-feira (24), dentro de um córrego que escoa água e esgoto da cidade de Euclides da Cunha, em frente a Central Municipal de Abastecimento. Após a informação do achado, por volta das 8h, uma significativa quantidade de pessoas acorreu ao local, além das que passavam pela proximidade, para conferir de perto o que realmente se tratava.

Segundo o site euclidesdacunha.com, após a captura, um homem colocou o réptil fora do córrego e, com a ajuda de outra pessoa, segurou-o até a chegada de uma guarnição policial que ajudou na sua retirada da via pública e encaminhamento ao local da soltura, que aconteceu pouco tempo depois, em uma área rural que contém condições mais próximas (mínimas) ao habitat natural – florestas matas tropicais da América do Sul. A sucuri media aproximadamente 2,5 metros de comprimento.

Em outubro de 2013, uma sucuri medindo aproximadamente seis metros foi encontrada perto da Estação de Tratamento de Esgoto de Euclides da Cunha – próximo ao local onde o filhote foi deixado nesta quarta-feira.
Continue Lendo
O prefeito de Tucano, Luiz Sérgio (PSD), não passa uma semana sem protagonizar uma ação que desagrade a população, mas uma ação do gestor, digamos excêntrica, tem se destacado das demais.

Famoso pelo seu jeito arrogante, rude e coronelista de tratar funcionários pessoais e servidores públicos, o prefeito parece ter encontrado nos espinhos afiados e cortantes de plantas nativas da caatinga (ele é de Maragogipe) uma identificação própria, fato que fez com que o gestor transformasse, meses atrás, o jardim da prefeitura em um local perigoso, ao “decorar” o ambiente com pés de mandacaru e macambira, dentre outros. O espaço fica repleto de adolescentes e jovens que estudam em um colégio ao lado do prédio da prefeitura. Na época, o prefeito disse que era para furar o olho de alguns.

Esta semana, o prefeito invadiu o jardim da praça do distrito do Creguenhem e fincou seus espinhos. Por lá, ele plantou mandacaru, macambira, babosa e algumas palmeiras pra disfarçar, fato que gerou revolta nos moradores locais, pois as plantas já existentes no local foram deixadas de lado e sem consultar a população.

Em resposta, o prefeito postou foto irônica na internet molhando o novo jardim e ainda zombou e desafiou os moradores durante entrevista na rádio.  “Quem não gosta, mude-se, é o jeito, vá pro Rio Grande do Sul onde tem muitas azaleias, muitas hortênsias e orquídeas”, disse o prefeito em tom de gozação.

Fonte: Radar Regional

Continue Lendo
Após a gravação do presidente Michel Temer com o presidente da JBS, Joesley Batista, o número de pedidos de impeachment contra ele quadruplicou na Câmara. Antes, apenas três propostas de impedimento tramitavam na casa legislativa. Agora, são 11 pedidos vigentes, fora o que foi arquivado em janeiro deste ano. Nas últimas 48h, oito processos foram protocolados.

O primeiro foi do deputado federal Alessandro Molon (Rede-RJ). Depois, outros sete pediram a saída do presidente Temer: deputado JHC (PSB-AL); senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP); deputado Alessandro Molon (Rede-RJ), novamente; deputado João Gualberto Vasconcelos (PSDB-BA); deputado estadual Júnio Alves Araújo (PRP-GO), conhecido como Major Araújo; deputado Diego Garcia (PHS-PR); e Beatriz Vargas, professora de Direito da Universidade de Brasília (UnB).

De acordo com o jornal O Globo, a justificativa é a mesma: o presidente teria procedido de forma "incompatível com a dignidade, a honra e o decoro do cargo". No áudio, Temer escuta de Joesley que o empresário está realizando pagamentos mensais ao deputado cassado Eduardo Cunha, além de que está interferindo em investigações. O presidente não repreende o dono da JBS em nenhum momento.
Continue Lendo
Uma esmeralda gigante, que pesa 360 kg e tem 1,3 metros de altura, foi encontrada há 25 dias na Mina da Carnaíba, no município de Pindobaçu, norte do estado. A região é conhecida pela exploração do mineral. Esta é a segunda pedra de grande encontrada na região. A primeira, achada em 2001, tinha 20 kg a mais e foi avaliada em cerca de R$ 1 bilhão.

A pedra foi localizada a 200 metros de profundidade pela Cooperativa Mineral da Bahia, que tem autorização para explorar a área, e vendida a um minerador da região. Por motivos de segurança, o dono da pedra bruta não quis dar entrevista e nem informou quanto pagou pela esmeralda. O advogado dele, Márcio Jandir, disse que o cliente já providenciou documentação para legalizar a propriedade da pedra adquirida por ele.

"Nós já fizemos toda a emissão do certificado de origem, exigência do DNPM [Departamento Nacional de Produção Mineral]. O documento já foi emitido. Hoje o proprietário da pedra está autorizado a transitar com ela em território nacional e, obviamente, ele almeja fazer exposições com a pedra e apresentar em museus e bibliotecas", disse o advogado.

A esmeralda Bahia, encontrada em 2001, foi levada para os Estados Unidos ilegalmente e, durante vários anos, foi motivo de uma disputa judicial entre o governo brasileiro e o americano. Até que, em 2015, foi decidido que a pedra ficaria nos Estados Unidos.
Continue Lendo