Uma operação conjunta, entre Policiais Militares do 1º Pelotão do distrito de Caldas do Jorro, 2ª Cia, de Tucano, Guarda Civil Municipal, e a Rondesp de Feira de Santana, prendeu na noite de sexta-feira dia (22), um homem identificado como Gilclecio Lima Silva, de 19 anos, suspeito de trafico de drogas.  A ação, denominada de “Carcará do Sertão”, teve início às 21h30min, no bairro do Cruzeiro, em Tucano.

Segundo informações da polícia, as guarnições realizavam patrulhamento de rotina, na Rua Arlindo Dantas, no referido bairro, quando um indivíduo ao avistar as viaturas, correu e adentrou em um imóvel. Ainda segundo a polícia, ao realizar buscas no interior da residência, foi encontrado 130 pedras de crack, pronta para comercialização, um tablet pequeno de maconha e, dois pinos vazios, geralmente utilizados para acondicionar cocaína.

Ainda de acordo com a polícia, dentro do imóvel do suspeito, foram encontradas algumas gaiolas, com aves silvestres da fauna brasileira, e uma gaiola armadilha, para captura de pássaros.
O detido, juntamente com a droga apreendida, foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil, de Euclides da Cunha e apresentado a autoridade de plantão, Bel. Paulo Sérgio, onde foi registrada uma ocorrência, sob o numero 2442.

Devido à falta de um transporte adequado, os pássaros, foram deixados na sede da 2ª Companhia de Tucano, sob os cuidados dos militares, e na próxima segunda dia, 25, serão apresentados na Delegacia local, para adoção das medidas cabíveis.



Por: Gil Santos Notícias , com informações e fotos cedidas da Polícia Militar de Tucano
Continue Lendo
Uma decisão do juiz federal Leão Aparecido Alves, da 2ª seção do Tribunal Regional Federal da Primeira Região (TRF-1), rejeitou a denúncia contra o prefeito de Ribeira do Pombal, no agreste baiano, Ricardo Maia (PSD), por fraude em licitações decorrente da Operação Águia de Haia. Esta é a primeira decisão favorável a um dos réus da Operação.

Desencadeada em julho de 2015 pela Polícia Federal e Ministério Público Federal (MPF), a ação identificou cerca de 20 municípios envolvidos no esquema que fraudava licitações em contratos combinados com verbas da educação. Conforme o advogado do gestor, João Daniel Jacobina, o juiz entendeu que a denúncia foi insuficiente.

No texto, Leão Aparecido considerou que a acusação "não contém, de forma clara e convincente, todas as definições legais do crime de falsidade ideológica". Ainda segundo o magistrado, as supostas fraudes "não conservaram potencialidades lesiva autônoma, porquanto o aludido procedimento tinha por objetivo justificar a contratação fraudulenta para o posterior desvio de recursos públicos", diz a sentença.
Continue Lendo
Bandeiras com as cores em protesto contra o projeto conhecido como "cura gay" em Porto Alegre, no RS
A Justiça Federal do Distrito Federal permitiu, em caráter liminar, que psicólogos possam tratar gays e lésbicas como doentes e possam fazer terapias de “reversão sexual” sem sofrer qualquer tipo de censura por parte do Conselho Federal de Psicologia (CFP). Esse tipo de tratamento é proibido por meio de uma resolução editada pelo CFP em 1999, já que desde 1990 a homossexualidade deixou de ser considerada doença pela Organização Mundial da Saúde. O CFP vai recorrer às instâncias superiores.

Na decisão, o juiz Waldemar Cláudio de Carvalho acata parcialmente o pedido de liminar da ação popular que requeria a suspensão da resolução 01/1999, na qual são estabelecidas as normas de condutas dos psicólogos no tratamento de questões envolvendo orientação sexual. O juiz mantém a resolução, mas determina que o Conselho Federal de Psicologia não impeça os psicólogos de promover estudos ou atendimento profissional, de forma reservada, pertinente à reorientação sexual, sem qualquer possibilidade de censura ou necessidade de licença prévia.

Pedro Paulo Bicalho, diretor do CFP e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), disse que a classe considera essa decisão um retrocesso sem precedentes. “O juiz mantém a resolução em vigor, mas descaracteriza o princípio ético da resolução. Mais do que isso. Ele pede que o Conselho interprete a resolução de outra forma. Mas somente a Psicologia pode dizer como devemos interpretar uma resolução e não o Direito. Da forma como foi colocado, abre um precedente perigoso”, avalia Bicalho.

De acordo com ele, essa resolução foi elaborada pela própria categoria e serve como embasamento para julgamentos de práticas profissionais consideradas antiéticas. “Essa resolução tem servido como garantia de direitos da população LGBT. Ela é referência mundial e está traduzida em três línguas. Vamos recorrer até a última instância, se for necessário”, afirma Bicalho.

Symmy Larrat, presidente da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Travestis e Transexuais (ABGLT), disse que a entidade repudia a decisão da Justiça e a considera um equivoco ao querer determinar como o CFP deve agir, referente a uma resolução da categoria.

“Para nós, LGBT, esta decisão nos coloca de volta num cenário onde homossexuais eram tratados como doentes e torturados. Sabemos que há praticas de torturas psicológicas e até exorcismos sendo cometidos contra jovens homossexuais e esta decisão reforça este tipo de situação. Infelizmente a homofobia está internalizada no judiciário também, mas acreditamos que o Superior Tribunal Federal não permitirá que isso ocorra”, afirmou Larrat.

'CURA GAY'

A decisão da Justiça Federal permite algo que um PDC (Projeto de Decreto Legislativo) pretendia conseguir. Em 2011, o deputado federal do PSDB de Goiás, João Campos, protocolou na Câmara dos Deputados um PDC para suspender a resolução do Conselho Federal de Psicologia, o que ficou conhecido como projeto da “Cura Gay”.

Dois anos depois e sob muitos protestos, o projeto foi aprovado pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, mas 15 dias depois o próprio autor fez um requerimento pedindo o cancelamento da tramitação de sua proposta. O PSOL, do deputado federal Jean Wyllys, pede mais do que o arquivamento da proposta: quer que ela não possa ser reapresentada. Dois dias depois, um novo projeto de suspensão da resolução foi apresentado, mas foi rejeitado imediatamente
Continue Lendo
Policiais militares da 2ª Companhia de Tucano recuperaram na manhã de sábado dia (16), por volta das 8h, uma motocicleta Lander de cor preta, placa policial; IAE-9532, licença de Aracaju-SE, que havia sido tomada de assalto, minutos antes, por quatro indivíduos encapuzados e armados de revolver, em uma estrada vicinal na zona rural do município.
Segundo o proprietário da motocicleta, identificado pelo prenome de Domingos, seguia de sua residência para a sede do município, onde trabalha em uma determinada loja, quando nas imediações do povoado de Cabrito, foi interceptado pelos marginais que anunciaram o assalto e levaram seu veículo. O fato foi comunicado a polícia militar, que de imediato, realizaram diligências, no intuito de recuperar o veículo e prender os criminosos.
De acordo com o comandante da 2ª Cia, capitão Luís Cláudio, ao seguir por uma estrada de chão, a qual os marginais havia fugidos, a guarnição conseguiu através do rastro da motocicleta, localiza-la abandona em um matagal, nas proximidades da fazenda Cauêira. Ainda de acordo o oficial, além da moto, os militares encontram vários vestuários que os meliantes usaram para efetuarem o assalto. Ninguém foi preso.
O veículo juntamente com os vestuários encontrados, serão apresentados a polícia judiciária, para adoção das medidas cabíveis.



Por: Gil Santos Notícias, com informações  e fotos cedidas pela PM de Tucano
Continue Lendo
O jornalista Marcelo Rezende morreu, às 17h45 deste sábado (16), em São Paulo, aos 65 anos, vítima de falência múltipla dos órgãos em consequência de um câncer, informou o Hospital Moriah.

Rezende foi diagnosticado no início do ano com câncer no pâncreas com metástase no fígado. Ele se afastou do comando do programa Cidade Alerta, da TV Record, para fazer o tratamento de quimioterapia. Ele estava internado no Hospital Moriah, na Zona Sul de São Paulo.

Em um vídeo postado no dia 3, Marcelo Rezende falou sobre os altos e baixos do tratamento contra o câncer. "O que eu tenho, a doença que eu tenho, o câncer que eu tenho, tem altos e baixos, é como uma montanha-russa. Uma hora eu to lá em cima, outra hora eu to lá embaixo. O mais importante é que eu estou firme e estar firme é aqui, onde a mente funciona. E eu estou firme para enfrentar os baixos, até chegar o momento em que o alto vai deslizar e aí a cura vai chegar. E eu tenho certeza dela porque Deus está comigo, Deus está contigo", disse o jornalista.

Marcelo Luiz Rezende Fernandes nasceu no Rio de Janeiro, em 12 de novembro de 1951.

Começou sua carreira como repórter esportivo nos anos 70 do Jornal dos Sports. Trabalhou em O Globo, revista Placar e chegou à TV em 1987 para trabalhar na Globo. Entre os destaques está a cobertura do caso da operação da polícia na Favela Naval, em Diadema e a apresentação do programa Linha Direta. Trabalhou também na Band e Rede TV.

O jornalista deixa cinco filhos e dois netos.
Ele foi vítima de falência múltipla dos órgãos em consequência de um câncer, informou o Hospital Moriah

Veja íntegra da nota da TV Record:

A Record TV informa com grande pesar o falecimento de Marcelo Rezende, neste 16 de setembro de 2017, no Hospital Moriah, zona sul de São Paulo. Transmitimos nossas sinceras condolências ao familiares e amigos do jornalista com o qual tivemos a honra e o privilégio de trabalhar e que atuou com tanto brilhantismo em nossa programação.

O apresentador estava afastado do Cidade Alerta desde maio, quando descobriu um câncer no pâncreas e no fígado. Ele estava no comando do programa desde 2012 e ali imprimiu a sua marca, expondo os problemas de segurança pública do País com a coragem que sempre pautou sua trajetória, transformando o Cidade Alerta em um importante canal de denúncias. "Esse jornalismo que eu e alguns companheiros fazemos é o jornalismo que revela as mazelas do País", disse ele.

Com mais de 40 de carreira, Marcelo Rezende deixa um grande legado ao jornalismo do Brasil e da Record TV. Sua trajetória foi sempre guiada pela coragem em tocar em feridas sociais. Do flagrante de abuso policial na Favela Naval, em Diadema (SP), à corrupção no futebol, passando pelos inesquecíveis depoimentos de Francisco Assis Pereira, o Maníaco do Parque, e do ex-goleiro Bruno. Rezende foi um repórter investigativo de raro talento e um apresentador polêmico que não tinha medo de expor suas opiniões. Alguns dos episódios mais marcantes de sua carreira ele narrou no livro "Corta pra Mim", lançado em 2013 pela editora Planeta, que tornou-se rapidamente um best-seller.

ezende iniciou sua carreira na mídia impressa, aos 17 anos, no Jornal dos Sports, em sua cidade natal, no Rio de Janeiro, e atuou como jornalista esportivo por um longo período. Atuou no jornal O Globo e em seguida na Revista Placar, da editora Abril, até que, por fim ingressou na televisão, em 1988, quando foi trabalhar no Globo Esporte. A carreira sofreu uma guinada quando foi designado para fazer reportagens investigativas. Em 1999, fez parte da equipe de criação do Linha Direta, do qual tornou-se apresentador.

Na Record TV, o jornalista apresentou o Cidade Alerta em duas ocasiões, entre 2004 e 2005, e de 2012 a 2017, além de ter comandado o Repórter Record e o quadro A Grande Reportagem, exibido pelo Domingo Espetacular. Trabalhou também na Rede TV! onde apresentou o Repórter Cidadão e o Rede TV! News. Na Band esteve a frente do Tribunal na TV.

No dia da estreia do novo Cidade Alerta, em 2012, Marcelo deu o tom do que o telespectador poderia esperar : "Nós não temos amigos, nem inimigos. Trabalhamos para o interesse público, o interesse da comunidade, o interesse da sociedade".

Nessa nova fase do Cidade Alerta, a carreira do Marcelo também foi marcada pela inusitada interação com a equipe de jornalistas espalhada pelo Brasil. Descontração e alegria que contagiaram milhões de brasileiros e marcaram uma nova alternativa de informar os telespectadores.
Continue Lendo
Policiais militares da 2ª Cia frustraram na manhã desta sexta-feira dia (15) uma tentativa de assalto, a uma loja de elétrons, em Tucano. A ação policial aconteceu por volta das 8h, no centro da cidade.

De acordo com o comandante da Companhia, Capitão Luís Cláudio, uma guarnição realizava ronda de rotina, e ao passar pelas imediações da loja Diten, notou, dois elementos em atitude suspeita, no interior do estabelecimento comercial e, ao parar, para averiguar a situação, constatou-se que se tratava de um assalto. Ainda segundo o militar, ao tentar intervir na consumação do delito, um dos marginais, conseguiu fugir pelos fundos da loja.

Ainda de acordo com o oficial, a guarnição conseguiu deter o outro marginal, que portava um revólver calibre 38, Taurus, com a seguinte numeração; MD772050 e seis cartuchos intactos. Além da arma, os militares apreenderam com o indivíduo, um aparelho celular da marca Samsung, duas mochilas, ainda vazias, que possivelmente seriam usadas pra acondicionar os produtos do crime, e uma motocicleta Honda CG 150, de cor preta, placa policial JQR- 6935, licença de Feira de Santana-Bahia.

Durante uma conversa informal com os policias, segundo o capitão Luís Cláudio, Adson Santos Góes, vulgo “Pibinha”, contou aos PMs, que o comparsa que havia fugido, trata-se, de  “Ney”, um velho conhecido dos órgãos de segurança pública local.

O assaltante, juntamente com as informações colhidas e todo material apreendido com ele, foram encaminhados e apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Tucano, para adoção das medidas cabíveis.


Por: Gil Santos Notícias, com informações e fotos, cedidas pela PM de Tucano
Continue Lendo
Começou nesta terça-feira (12) e segue até quinta (14), em Conceição do Coité, cidade que fica a cerca de 225 quilômetros de Salvador, o mutirão de cirurgias voltado para pessoas que necessitam fazer operações de hérnias (umbilical, inguinal, epigástrica) histerectomia (retirada do útero) e colecistectomia (vesícula).

Desta terça a quinta, serão feitos as consultas e exames e pré-operatórios, na Praça da Matri. Os procedimentos, gratuitos, começam a ser feitos a partir deste sábado (16), no Hospital Regional de Conceição do Coité e no Hospital Municipal de Conceição do Coité.

Além da população de Conceição do Coité e de Serrinha, os moradores de Água Fria, Araci, Barrocas, Biritinga, Cansanção, Euclides da Cunha, Lamarão, Monte Santo, Nordestina, Queimadas, Quijingue, Retirolândia Santa Luz, São Domingos, Teofilândia, Tucano e Valente também estão sendo beneficiados nessa etapa do Mutirão de Cirurgias.

Para ser atendido, o paciente já deve ter a indicação médica para a cirurgia e ter feito o cadastro na Secretaria de Saúde do município de residência. Caso ele não tenha feito o cadastro prévio, mas tenha exames que comprovem a necessidade de realizar uma das cirurgias oferecidas, o paciente poderá se dirigir ao local das consultas pré-operatórias munido de RG, CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e exames de sangue (uréia, creatinina,TP, TTPA, glicemia em jejum e hemograma).

As mulheres que farão histerectomia devem levar também o preventivo.
Continue Lendo
O grande volume de chuva registrado nos últimos dias no município de Adustina, localizado no nordeste da Bahia, a 211 km de Serrinha, tem preocupado produtores de feijão da região diante da possibilidade de perda da safra. Enquanto em anos anteriores a vilã foi a seca, dessa vez o tempo chuvoso é que está prejudicando a qualidade dos grãos. A prefeitura municipal prevê um prejuízo de até 20% na colheita desse ano.

Conforme o secretário municipal de Agricultura, Alex Sílvio, somente nos últimos oito dias foi registrado volume de chuva de 130 mm no município, o que era esperado para o mês inteiro. Com isso, o feijão que era pra sair do campo quase seco e maduro está sendo colhido com umidade acima do ideal ou mesmo apodrecendo nas vagens ainda no pé. Além disso, os grãos que já foram armazenados também correm risco de apodrecer, porque, sem sol, o feijão não seca. O período da colheita ocorre sempre de agosto a setembro, três a quatro meses após o plantio.

A situação atual é bem diferente da registrada em 2013, quando Adustina teve a melhor safra em 30 anos. A cidade e mais 13 municípios vizinhos formam a maior região produtora de feijão de inverno do estado da Bahia. A produção é vendida nas feiras livres do mercado interno e escoa também para outros estados, como Ceará e Pernambuco. Nos últimos três anos, no entanto, a seca prolongada que atingiu a região atrapalhou os planos dos produtores, agora surpreendidos também com o volume alto de chuva.

Conforme o secretario de Agricultura, em 2017, houve um aumento de 8 mil hectares para 12 mil hectares na área de plantação de feijão no município. Isso porque a seca dos últimos três anos também afetou a cultura do milho. Inicialmente, a expectativa dos cerca de 3,2 mil agricultores familiares que existem hoje no município era colher esse ano 30 mil sacas, o que corresponde a 18 mil toneladas. Cada saca chega a ser comercializada por R$ 120, mas o preço tende a cair com a perda da qualidade do grão em decorrência da chuva. 

(G1/Bahia)
Continue Lendo
A Prefeitura de Conceição do Coité abre nesta terça-feira (12) inscrições para processo seletivo destinado a contratação temporária de professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental, do Programa de Educação de Jovens e Adultos (PEJA). Ao todo, são oferecidas 35 vagas.

A seleção conta com 19 oportunidades imediatas para ampla concorrência, uma vaga para portadores de necessidades especiais, além de 15 vagas para cadastro reserva. A remuneração da função será de R$1.149,40, para atuar em jornada semanal de 20 horas.

Os interessados podem conferir o edital no Diário Oficial do Município. Para participar, os candidatos devem ter ensino superior completo em pedagogia ou normal superior.

As inscrições serão realizadas até o dia 18 de setembro de 2017, no horário das 8 às 12h e das 13h30 às 17 horas, na sede da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte, situada na Praça Theógnes Antônio Calixto, 58, Bairro Gravatá.

A seleção será realizada em duas etapas: prova de redação e análise curricular, ambas de caráter eliminatório e classificatório. A primeira etapa está prevista para o dia 20 de setembro.
Continue Lendo
Acusado de estuprar uma idosa de 72 anos, em Euclides da Cunha, Jeferson Oliveira de Jesus teve o mandado de prisão cumprido, no feriado de 7 de Setembro, por uma equipe da 25ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), com sede naquela cidade.

O crime foi cometido no dia 3 de setembro, no povoado de Serra da Mãe Inácia, zona rural de Euclides da Cunha. Jeferson está custodiado na carceragem daquela unidade policial, onde permanecerá à disposição da justiça.
Continue Lendo