O pedreiro Wellington da Cruz Bispo foi preso na última sexta-feira (14), em Senhor do Bonfim, suspeito de ter estuprado e matado a cunhada Arlete Costa Borges desaparecida desde o dia 22 de setembro.

O corpo da jovem foi enterrado dentro do banheiro de uma casa construída pelo acusado, no bairro do Tabuleiro.

A polícia passou a investigar o envolvimento do pedreiro no desaparecimento da jovem logo após encontrar uma ligação dele no celular da jovem.

De acordo com informações da Polícia Civil ao blog Revista do Vale, a jovem foi violentada enquanto agonizava. A vítima deixa um filho de um ano e quatro meses.

O suspeito foi encaminhado para Penitenciária de Juazeiro, onde responderá pelos crimes de estupro, homicídio qualificado e ocultação de cadáver.
Jovem foi estuprada, morta e enterrada por cunhado