Prefeirua
O SINDSMUT, a pedido de diversas classes de servidores, vem a público manifestar repúdio à atitude do prefeito de Tucano, em sequer sentar para discutir a desvalorização dos salários dessas classes.

Desde o início do ano foram varias tentativas de fazer esta discussão. Somente entre 07 de março e 10 de abril, aconteceram 5 reuniões e em nenhuma delas o prefeito se fez presente ou se propôs a abrir as contas para que se possa chegar a uma solução aos impasses, apenas mandou ofícios ou representante sem poder de negociação sobre recomposição salarial.

Outra questão que deixa parte dos servidores tristes é o fato de serem concedidas algumas gratificações ou benefícios financeiros de forma aleatória a esta ou a aquela classe, deixando as demais curiosas, sem saber se são legais ou não, com apenas uma certeza, atrapalha uma negociação verdadeira e clara.

Lamentamos, pois sem este diálogo, os estímulos para se fazer um bom trabalho ficam prejudicados, até porque, outros problemas já são enfrentados na execução dos serviços em geral, por exemplo: falta de planos de carreiras para a maioria das classes; ausência de regulamentação na concessão de licenças prêmio e outros benefícios; falta de equipamentos e materiais de trabalho; prejuízo ao servidor no cálculo do adicional noturno, da insalubridade e da periculosidade; desvios de função sem regulamentação legal; e entre outros questões.

Diante destes fatos só temos a lamentar e esperar bom senso desta administração.

Tucano, 13 de abril de 2015 / José Nilson Ferreira dos Santos – Presidente