Em Sessão tumultuada, e com atraso de mais de uma hora, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei 04/2015, de autoria dos vereadores Maisa Macêdo, Rodrigo Cavalcante e Carlinhos Farias, que obriga o município (Prefeitura e Câmara) a identificar todos os carros oficiais, locados ou cedidos à administração municipal, com os adesivos contendo a logomarca oficial do município.

Para conseguir incluir o Projeto de Lei “da identificação dos veículos oficiais”, a bancada de oposição utilizou o Regimento Interno da Casa, requerendo a inclusão do citado projeto na Ordem do Dia, sendo aprovado pela maioria, sendo contraria a inclusão do PL na pauta de votação os vereadores, David Andrade, Ilmara Calazans, Jorge Luis - Jorjão , Romilson do Carmo, e Maria Conceição. 

Após a aprovação do Requerimento, a vereadora Conceição solicitou que fosse constado o seu voto a favor, justificando a importância do Projeto.

Na discussão do Projeto de Lei o vereador Jorge Seixas ressaltou que em momento algum o Projeto disciplinava a utilização dos veículos, apenas obrigava a identificação dos carros oficiais, proporcionando uma alternativa a mais para a população fiscalizar a utilização dos carros do município.

O PL 04/2015 foi aprovado por unanimidade e será encaminhado ao Poder Executivo para sansão.

Outras proposituras foram apreciadas sem maiores discussões, a exemplo do PL que autoriza o município de Tucano a participar de um consórcio de saúde.

O fato negativo da sessão, que foi dirigida pelo vice-presidente David Andrade devido a ausência do presidente Hélcio Reis, além do atraso de mais de uma hora no inicios das atividades, foi a denúncia de agressão por parte do Chefe de Gabinete do Prefeito a uma servidora da Casa Legislativa, fato que foi denunciado pelo vereador Carlinhos Farias, que utilizou a tribuna para solicitar do Presidente em exercício a retirada do Sr. Gutemberg (chefe de Gabinete do Prefeito), e que foi prontamente atendido, determinando a Guarda Municipal que fosse verificada a ocorrência.

Fonte: Blog de Tucano