IMG-20150817-WA0058
Um homem identificado como Miguel Arcanjo da Silva, de 55 anos, foi encontrado morto dentro de uma residência, no início da noite desta segunda-feira dia (17), na Rua Beijamim Ferreira da Silva, bairro da Primavera, em Tucano. O corpo da vítima foi encontrado pendurado com uma corda no pescoço, pela própria esposa, por volta das 17h40min.

Segundo informações da esposa de Miguel, uma senhora conhecida por Gudí, retornava do trabalho, quando abriu a porta da casa, se deparou com o companheiro atrás de uma cortina na porta do quarto. “Pensei que ele estava escondido atrás da cortina para me fazer susto, então perguntei que brincadeira era aquela, e ele não me respondeu. Foi quando puxei a cortina e percebi que ele (Miguel) estava morto com a corda no pescoço. Sair pra rua desesperada, pedindo socorro aos vizinhos”, contou.

A dona de casa contou que o esposo estava passando por alguns problemas de saúde. Ela disse ainda que, certa vez, Miguel comentou que, se tivesse um apartamento, iria se jogar de cima. “Dei uns conselhos e ele parou com aquelas conversas. Ele não parecia estar depressivo. O ocorrido mim pegou totalmente despreparada”, relatou.

O corpo do homem foi periciado pelos peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Euclides da Cunha e em seguida, removido pela Nova Funerária Vando, para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Juazeiro, onde passará por necropsia.

Fonte: Gil Santos Notícias