A Polícia Rodoviária Federal na Bahia (PRF-BA) aponta a redução de 73,68% no número de mortes nas rodovias federais que cortam o estado no feriado prolongado do Ano Novo, entre os dias 28 de dezembro de 2015 e o último domingo (3). A diminuição foi registrada em relação ao ano anterior, de 29 de dezembro de 2014 a 4 de janeiro de 2015.

Foram cinco mortes no último feriado nas rodovias federais baianas, enquanto 19 pessoas haviam morrido em acidentes no ano anterior. Segundo a PRF, também houve queda de 29,33% no número total de acidentes. A polícia informa que ocorreram 150 acidentes no feriado de 2014 e 106 no último.

Já o número de feridos caiu de 131 para 93, o que representa queda de 29,33%, conforme a PRF. Segundo a polícia, a imprudência, a inabilidade, a falta de cuidado e o desrespeito às leis de trânsito dos condutores são determinantes para a maioria dos acidentes graves.

A PRF aponta que o resultado é fruto da Operação Rodovida, que começou no dia 18 de dezembro, como parte da integração entre a Casa Civil, Ministérios da Justiça, Saúde, Cidades, Transportes e os órgãos estaduais e municipais, para reduzir as mortes no trânsito.

Rodovias estaduais
Dez pessoas morreram nas rodovias estaduais da Bahia no período das festas de fim de ano, entre o dia 24 de dezembro e esta segunda-feira (4), quando aconteceu a operação especial do policiamento rodoviário da Polícia Militar. Foram registrados 85 acidentes e 62 vítimas, sendo que 37 tiveram ferimentos leves, 15 graves e as 10 fatais.

Segundo a PM, as equipes abordaram 26.527 pessoas e 13.846 veículos na operação de fim de ano. Foram recolhidas 20 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs), 68 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs), 1.822 condutores autuados e 66 veículos retidos.

Fonte: G1