O servidor municipal Lourival Cavalcante da Silva, 41 anos, foi morto à facada no início da tarde desta quinta-feira (16), no povoado de Pinhões, zona rural de Euclides da Cunha. De acordo com informações, o crime aconteceu por volta das 14h, e um cunhado da vítima é o principal suspeito da autoria do crime.

Informações complementares dão conta de que, antes do crime, Lourival e o suspeito teriam discutido por causa de dinheiro. Sem entendimento, os dois saíram de onde estavam e foram para suas respectivas moradias. Lourival trancou-se na própria casa, mas seu desafeto quis resolver o impasse de maneira violenta, arrombando a porta dos fundos da casa da vítima, e na sala desferiu um golpe de arma branca (faca). O ferimento atingiu a região do peito do vigilante, que ainda saiu da residência para a parte da frente do imóvel, para pedir socorro, mas morreu pouco instante depois.

Após o crime, o homicida fugiu para um destino ignorado.

A Polícia Civil de Euclides da Cunha já está investigando o caso e faz diligências, na tentativa de localizar e prender o suspeito.

O corpo de Lourival foi removido para o Instituto Médico Legal de Euclides da Cunha.

Lourival morava no povoado de Pinhões com sua esposa que está grávida – ela foi levada às pressas para o Hospital Português/ACM em virtude do trauma sofrido. Ele tem outros dois filhos, todos menores de idade. Antes de atuar como vigilante, Lourival já foi carcereiro da Delegacia Territorial de Euclides da Cunha.

Fonte: Rádio Povo