Olha, aí. Depois de virar manchete em todo o mundo em 2015, após um vídeo mostrando seu membro viralizar na internet. O mexicano Roberto Esquivel, de 54 anos, tem tido muitos problemas por causa do tamanho do pênis. Em entrevista, ele revelou que quer ter seu nome no “Guinness Book of Records”, o livro dos recordes e descarta fazer qualquer cirurgia.

De acordo com o médico Jesus David Salazar Gonzalez, apesar de ser super-dotado, o pênis grande causou  uma série de problemas de saúde para Roberto, incluindo frequentes infecções urinárias, pois nem toda sua urina sai pelo lugar correto. Ainda conforme o urologista, o mexicano também é incapaz de dormir de frente e tem que “embrulhar” seu pênis em seu próprio travesseiro para não sentir desconforto à noite.

Por causa disso, Roberto foi aconselhado pelo médico a realizar uma cirurgia para diminuição de seu pênis. “Apenas desta forma, ele poderá ter relações sexuais e ter filhos. Mas, ele não aceita e prefere um pênis maior que o resto do povo. Na cultura latina, quem tem o pênis maior é ‘mais macho’. É algo que o torna diferente do resto das pessoas e faz com que ele se sinta especial”, disse o médico.

Segundo Roberto, o pênis dele, de meio metro, quebrou o recorde que pertencia ao ator americano Jonah Falcon, cujo pênis era de 24 centímetros flácido e 34 centímetros quando ereto. Ele descarta qualquer tipo de tratamento antes de ganhar o reconhecimento do livro dos recordes. “Algumas pessoas me perguntam se eu coloco alguns preservativos e a resposta é que eu não posso. Nunca consigo penetrar em ninguém porque é muito grosso”, afirmou Roberto.

Foto: reprodução